A maioria dos brasileiros pagam taxas abusivas em contratos bancários irregulares, sem saber que podem ter uma redução significativa no valor total a pagar.

Mesmo que o seu contrato esteja em atraso, podemos ajudar você através da redução da sua dívida bancária em até 80%, seja em empréstimo, cheque especial e financiamento de veículo.

Toque no botão abaixo e tenha o seu caso avaliado por um advogado especializado.

Group 6 8 1

Escritório de Advocacia referência no Paraná.

Com mais de +350 avaliações no Google.

Vera Vera
Vera Vera
27/10/2022
Profissionais de muita competência, e muito atenciosos com os clientes👏🥰
Plenna Centro
Plenna Centro
27/10/2022
Atendimento maravilhoso!
Rosana Andretta
Rosana Andretta
27/10/2022
Equipe profissional, com excelente atendimento.
Vera Lucia
Vera Lucia
27/10/2022
Ótimo atendimento e rapidez
Franciele Azevedo
Franciele Azevedo
27/10/2022
Nos preocupamos com a satisfação do nosso cliente, e entregamos um trabalho diferenciado!
Rejane Bettega kotikoski
Rejane Bettega kotikoski
27/10/2022
Atendimento ótimo, muito bom mesmo com atenção e sempre com carinho e disponibilidade. Grata pelo atendimento.
Juliana Barbacovi
Juliana Barbacovi
27/10/2022
Excelente atendimento, sempre prontos a esclarecer nossas dúvidas. Super indico.
Bruno alessando
Bruno alessando
27/10/2022
Fui muito bem atendido,recomendo.

Ainda que você tenha parcelas em atraso ou outros problemas decorrentes de sua dívida bancária, podemos ajudá-lo(a).

A Ação Revisional permite que você se proteja e tenha uma revisão do seu contrato, evitando que você seja obrigado(a) a pagar taxas e juros abusivos.

Group 2 20 1
Group 5 15 1

CENTENAS DE CASOS DE REVISÃO RESOLVIDOS

Dra. Andressa Silveira Gonçalves

Advogada Altamente Especializada em Direito Bancário.

Brandelero, Gehlen & Azevedo Advogados Associados.

Vector 5

Filial

Av dos Pinheiros, 1600, Centro, Santa Izabel do Oeste-PR

Vector 6

Matriz

Rua México, 3180, Centro - Realeza/PR
CEP: 85.770-000

Vector 5

Informações

contato@advocaciabga.com.br
(46) 2602-0211

01
Vector 6

Você ainda pode requerer a revisão do seu contrato mesmo após quitar todo o valor em débito.

Dentro de 10 anos depois do último pagamento de prestação do contrato eventualmente irregular, você tem o direito garantido pela justiça de cobrar o valor pago acima do que seria devido.

Sua dúvida pode estar aqui.

FAQ

Ação Revisional é a demanda judicial que busca a revisão de cláusulas contratuais de um contrato realizado com a instituição financeira.

O seu principal objetivo é a constatação de práticas abusivas, com a consequente redução ou extinção do saldo devedor, ou até mesmo o ressarcimento de valores que ja tenham sido pagos indevidamente.

As ações revisionais mais comuns são aquelas relacionadas à veículos, imóveis, crédito pessoal, cheque especial, etc.

Qualquer contrato bancário que contenha cláusulas abusivas pode ser revisto. Exemplos dessas cláusulas incluem juros acima da média de mercado, seguros vinculados à contratação obrigatória, taxas indevidas ou excessivas, multas que excedem os limites legais, entre outras.

Se um cliente identificar juros acima da média de mercado ou outras cláusulas abusivas em seu contrato bancário, ele tem o direito de buscar a revisão do contrato por meio de ação judicial. O objetivo é reduzir os juros e eliminar as cláusulas abusivas.

Por isso, é aconselhável que pessoas em situações semelhantes consultem um advogado especializado em direito bancário. Este profissional poderá analisar o contrato e avaliar a viabilidade de uma ação judicial.

Se você está em atraso com as parcelas do financiamento do seu veículo, é possível que a instituição financeira já esteja ameaçando apreendê-lo. Se isso já aconteceu, mantenha a calma, pois é possível reverter a situação sem precisar pagar todas as parcelas atrasadas e futuras de uma só vez.

Na maioria dos casos de busca e apreensão, os bancos cometem irregularidades e abusividades que, quando identificados, podem anular a apreensão e recuperar o veículo. Após a apreensão e sem a apresentação de defesa pelo consumidor em até 5 dias, o banco geralmente realiza a venda extrajudicial do veículo. No entanto, se for constatada alguma ilegalidade ou abusividade, o consumidor pode receber indenização e multa da instituição financeira.

Se a apreensão for considerada indevida ou abusiva e o banco já tiver vendido o veículo, ele poderá ser condenado a pagar uma indenização por danos materiais com base na tabela FIPE do veículo na data da apreensão, além de uma multa de 50% do valor do contrato.

Por isso, se você está enfrentando problemas com seu contrato de financiamento, é importante procurar um advogado especializado na área para avaliar seu caso.

Feito por Legal Sales Marketing.

Todos os direitos reservados.

Preencha seus dados para prioridade no atendimento